05/12/2021

Coluna Thaís Navarro: Welcome 2 Life

Parei para pensar! Welcome 2 Life: o que faria se tivesse uma segunda chance?

*Esse texto contém spoilers moderados de Welcome 2 Life, MBC(2019).

O drama que te tem como propósito te apresentar a vida, tem uma mensagem de esperança para aquele velho ditado popular “Pau que nasce torto nunca se endireita, vira lenha”.

Ou seja, não há salvação para este pau, a não ser jogá-lo para queimar, pois, não serve pra nada.

Mas se ele tiver uma segunda chance? Será mesmo que não “endireita”?

O mesmo Rain que bota para quebrar em Hip Song, dessa vez interpreta o advogado Lee Jae Sang. É um ser desprezível e sabe disso. Ele não serve para nada, se pensarmos no ditado popular que citei. Solteiro, rico e ambicioso, faz tudo para seu benefício pessoal. Até que ele confronta o seu primeiro amor, que ao contrário dele, é uma boa mulher, luta pela justiça e pela verdade.

Então misteriosamente (eu me segurei para não dar spoiler de como isso acontece) ele acorda casado com o amor da sua vida, tem uma filha muito fofa e inteligente. Tudo isso sempre com muito amor, sentimento esse que o pobre nem conhecia.

Nessa nova vida, vemos um espelho. Assim como no espelho se somos destros, no reflexo somos canhotos, na vida paralela o personagem não é o advogado e sim o promotor. Toda a sua vida está ao contrário ou ainda, se ficar mais fácil compreender: de cabeça para baixo. Aliás, o poster do drama mostra exatamente isso, indo de encontro com tudo que ele fazia anteriormente e o que é mais interessante no drama é vê-lo em constante transformação, questionando o tempo todo qual decisão tomar: a certa ou a vantajosa.

As cenas dele com a filha são um brinde e sem dúvida nenhuma é o fator decisivo e transformador na vida de um homem que, não era essencialmente ruim, mas tinha tomado caminhos escuros e perigosos.

Graças a segunda chance que recebeu juntamente com a experiência de ter vivido tomando escolhas melhores, ele mudou totalmente, abriu o coração para o amor da sua vida e enfim pode ser pai de uma criança incrível. Abandonou a vida que levava e se arrependeu do que tinha feito de errado. Mesmo nas atitudes em que ele não era diretamente o causador de algo ruim, o fato de ser advogado de criminosos confessos ou mesmo de ter conhecimento de injustiças e nunca tomar uma atitude se tornaram um amargo arrependimento. Ele se tornou alguém com dignidade. Ele passou a ter moral.

Em um sentido mais simples, a noção de moralidade pode estar associada às noções de justiça, ação e dever: a moralidade não se relaciona àquilo que cada um quer para si e sim às formas de agir com o outro.

Esse tipo de fantasia, me chama a atenção principalmente porque existe uma certa familiaridade para mim.

Logo quando saíram teasers desse drama, uma amiga comentou comigo sobre um filme que tinha uma sinopse parecida. Então eu pensei, porque não dar mais uma chance a esse tipo de roteiro?

Remake significa que a nova versão pode ser mais, ou menos, fiel ao original, com o acréscimo de novos elementos, mas sem fugir da essência do filme (base).

O remake “refaz” quase que completamente o material original, podendo haver uma modernização ou releitura. Então vou chamar remake de uma segunda chance.

Trago isso porque o filme americano The Family Man, estrelado por Nicolas Cage, no ano 2000, apesar de algumas leves diferenças conta uma história semelhante ao drama e eu particularmente gostei muito das duas versões. Também indico o filme, que apesar de não ser tão recente é muito bonito e emociona.

E acredito ainda que assim como a vida pode nos dar uma segunda chance, remakes e releituras são feitas para quem gostou do enredo original ter a chance de aproveitar um pouco mais dele e quem não o conhece chegar a conhecer.

Jae Sang aprendeu muito com essa segunda chance que recebeu e nos ensina que se alguém quiser mudar, com o apoio e amor necessário é sim possível. Concorda com ele?

Quanto a remakes e releituras, daria uma segunda chance?

Existe algum filme que você gostaria que se tornasse uma releitura em um drama?

* Se você leu até aqui e ainda não viu esse drama e pensa em assistí-lo, nos minutos finais os atores deixam uma mensagem gravada muito bonita juntamente com o convite “Welcome to Life” ou Bem-vindo à Vida, traduzido para o português.

*O drama Welcome 2 Life está disponível no Viki e o filme The Family Man no Amazon Prime Vídeo.

* Rain é o nome artístico de Jung Ji Hoon e entre suas músicas mais conhecidas, Hip Song é a música do quadril, em sua tradução literal.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: