06/07/2022

Resenha: Black Dog

Ficha Técnica

Nome: Black Dog
Diretor: Hwang Joon Hyeok
Roteirista: Park Joo Yeon
Gênero: Escolar, Drama
Rede: tvN
Exibido: 16 de dezembro de 2019 a 4 de fevereiro de 2020
Idioma: Coreano
País: Coreia do Sul
Onde Assistir: Netflix e Viki

Black Dog: Drama injustiçado, mas que é de uma qualidade singular

Eu estava muito ansiosa para terminar de assistir para poder indicar aqui na página. Esse drama ganhou meu coração e entrou no meu top 3 de dramas favoritos.

Black Dog se passa na escola particular Deachi e conta a história dos professores que lá ensinam e principalmente do processo de contratação dos professores temporários, entre os quais está Ko Ha Neul, a personagem principal da história.

Quando eu vi o trailer e os stills do drama, pensei que lá vinha desgraça e em forma de drama e comecei assistir justamente por causa disso, mas o que vi foi totalmente diferente e encantador.

O drama traz assuntos muito reais do ensino coreano, como o beneficiamento de estudantes que não “precisam” de ajuda, no caso, são estudantes que tem todo um suporte financeiro para estudar além da escola, e como a escola deixa de lado os alunos que realmente precisam, tocou no nepotismo, coisa que acontece em qualquer lugar do mundo, mas foi muito bem abordado nesse drama, e mostrou todo ambiente administrativo da escola, a pressão do vestibular, erros cometidos no lançamento das notas de teste, criação de uma classe especial para os alunos que mais se destacavam, entre outros assuntos.

Foi lindo ver a evolução da Ko Ha Neul (Seo Hyun Jin) de uma pessoa que a voz quase nem saía, para uma pessoa que estava tentando lutar contra o sistema, ela não se calava quando achava que estava certa, reconhecia quando estava errada e tentava lutar por aquilo que acreditava, mesmo todo mundo falando que ela precisava parar e deixar tudo como estava, ela ia lá e colocava a boca no mundo e fazia ser ouvida, mesmo que no final não surgisse o efeito esperado, mas ela tinha em mente que tentou fazer a parte dela.

Não tenho nem o que dizer da atuação Ra Mi Ran, que fez o papel da Park Sung Soon, ela com certeza foi o ponto alto de Black Dog, com seu jeito único de ser, defender aquilo que acreditava e ter o respeito de todos naquele lugar, amei ver uma mulher fazendo esse papel, quando o diretor ou vice diretor queriam tomar alguma decisão, eles primeiramente recorriam a ela, representatividade total.

Black Dog foi o primeiro drama da escritora Park Joo Yeon. Ela é graduada do projeto de novos escritores da CJ ENM’s O’PEN, antes de debutar como escritora, ela trabalhou como professora temporária por 3 anos, então conhecia todo o ambiente e pôde repassar essa realidade ao público. Na Coreia, os professores que viam o drama, se sentiam bastante representados.

Todo o enredo e personagens de Black Dog foram muito bons, não tem um que você possa dizer, “ah, esse personagem ficou apagado”, cada um teve um papel crucial para a história e você os guarda em seu coração. De casa episódio dá pode tirar um ensinamento que você pode levar realmente para a sua vida.

Esse drama é tao perfeito, que até a OST dele é maravilhosa, de vez em quando eu me pego escutando porque realmente é uma obra divina.

Eu assisti Black Dog em andamento e surtei demais com esse drama, espero que agora que ele vai entrar na Netflix mais pessoas tenho a oportunidade de assistir e se emocionar com cada episódio dessa trama que é perfeita.


Vivian Kelen
Vivian Kelen

Assisto dramas desde 2018 e “para todos os garotos que já amei” me trouxe até esse mundo. Minha missão nessa terra é espalhar a palavra da dramalandia. Meus dramas favoritos são Black Dog e Stove League. E não se esqueçam, amem Stray Kids.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: