23/10/2021

ESTES IDOLS DO K-POP SUPERARAM SEUS PASSADOS TRÁGICOS PARA ENCONTRAR FAMÍLIA E FAMA

Abandonados por seus pais, eles ainda conseguiram tornar-se superstars.

Todo idol percorre um caminho difícil para o sucesso, mas alguns passaram ainda mais dificuldades durante suas vidas. Estas estrelas do K-pop, por exemplo, foram adotados quando crianças, superaram tempos difíceis, para encontrar também o amor de uma família, fama e fortuna.

Hangyul (H&D, X1)

Alguns o conhecem como ex-integrante do X1, e membro inativo do IM, enquanto outros o conhecem mais por ser parte da dupla H&D. Mas quando ele tornou-se conhecido pelo público em 2017, revelou que sua infância foi mais difícil do que o caminho para a fama.

| @lee_gyul_gyul/Instagram

Enquanto participava do The Unit, foi perguntado a ele, o que o motivou a querer ser famoso. Como muitos outros aspirantes ao estrelato, Hangyul contou aos apresentadores que queria ser tornar famoso para recompensar seus pais. Entretanto, a diferença entre ele e os outros idols, é que Hangyul nem sempre teve pais.

Quando ele era apenas um bebê recém-nascido, foi abandonado por seus pais biológicos. Ele então passou seus 7 primeiros anos de vida, vivendo em um orfanato.

Hangyul quando criança

Felizmente, seu charme capturou o coração de uma das assistentes sociais que trabalhava no orfanato. Quando ele estava na primeira série, a assistente social decidiu adotá-lo, tornando-se sua primeira mãe, ao qual ele nunca havia conhecido.

Hangyul quando criança

Sua família adotiva era mais velha, seu pai agora tem mais de 60 anos, enquanto seus irmãos mais velhos têm 35 e 36 anos. Apesar disso, eles lhe deram todo amor e cuidado que ele nunca havia recebido enquanto criança.

Hangyul quando criança

Mesmo sabendo que ser abandonado por seus pais biológicos pode ser difícil de lidar, Hangyul confessou com compaixão que, sabe que os pais devem ter tido seus motivos para terem desistido dele, provavelmente estivessem passando por momentos difíceis.

| @lee_gyul_gyul/Instagram

Desde que seus pais adotivos lhe deram tudo e cuidaram muito bem dele, Hangyul disse que trabalha duro para que possa recompensá-los. Por sorte, seu trabalho duro valeu a pena, levando-o a debutar em múltiplos grupos e a ascender ao estrelato.

| @lee_gyul_gyul/Instagram

“Só quero recompensar as pessoas que cuidaram e fizeram tudo por mim. Esse é o motivo de eu trabalhar duro. Farei o meu melhor”.

— Hangyul

Jaejoong (TVXQ, JYJ)

Atualmente, Kim Jaejoong é uma das estrelas mais bem sucedida do K-Pop, ele é cantor, compositor, ator e diretor. Mais conhecido pelo tempo que passou com o TVXQ e o subsequente trio JYJ. Quando criança, no entanto, Jaejoong passou por algo muito triste.

| @jj_1986_jj/Instagram

Jaejoong originalmente nascido como Han Jaejoon em 26 de janeiro de 1986. Nos seus primeiros 3 anos de vida, ele viveu com seus pais biológicos em uma cidade chamada Gongju. Mas quando tinha por volta de três anos, seus pais se separaram e tudo desandou.

Jaejoong quando criança

Em uma entrevista, a mãe biológica de Jaejoong revelou que se separou do marido em 1989, após ele perder todo seu dinheiro devido a uma fraude. Ela trabalhava 13 horas por dia para se sustentar e não tinha tempo para cuidar de Jaejoong. Para mantê-lo de barriga cheia, ela se viu alimentando-o apenas com sobras do restaurante onde trabalhava.

Jaejoong quando criança

Um dia, um conhecido da família fez uma proposta dolorosa: dar Jaejoong para outra família. O irmão de seu conhecido tinha uma grande família que cuidaria de Jaejoong como seu filho mais novo.

Jaejoong quando criança

Então a mãe dele tomou uma difícil decisão, dar seu filho de três anos. Entretanto, ela revelou em uma entrevista em 2013 para a TV Chosun, que naquele tempo, não percebeu que estava colocando o filho para a adoção.

Jaejoong quando criança

Com o passar dos anos, Jaejoong começou a sonhar em ser um idol, se mudou sozinho para Seul, se juntando a SM Entertainment, enquanto fazia alguns bicos para se sustentar, assim como sua mãe biológica. Como Jaejoong era muito novo quando foi adotado, cresceu acreditando que seus pais adotivos eram seus pais biológicos, até seu debute com o TVXQ.

Em 2004, ano depois que o TVXQ debutou, a mãe biológica de Jaejoong ficou ciente do recém-sucesso do filho e decidiu contatá-lo. E foi então que Jaejoong ficou sabendo da sua história familiar, e que na verdade tinha duas famílias. Ele ainda descobriu que sua data de nascimento, a qual ele pensou ser 04 de fevereiro, esteve errada durante toda sua vida.

| @jj_1986_jj/Instagram

A adoção lhe causou alguns problemas quando ele tentou se alistar no exército, já que tinha dois pais. A família se viu em envolvida em um processo judicial (que felizmente terminou pacificamente), pois a mãe biológica de Jaejoong e seus pais adotivos tiveram que provar seus direitos parentais.

| @jj_1986_jj/Instagram

Apesar disso, Jaejong permaneceu firme e disse que queria que seus pais biológicos e adotivos fizessem parte de sua vida harmoniosamente.

| @jj_1986_jj/Instagram

“Quero continuar vivendo como Kim Jaejoong, como sempre vivi. E também quero que meus familiares adotivos e biológicos continuem a se entender e amar uns aos outros”.

— Jaejoong

Após ser conhecida pelo público como “a mãe biológica do Jaejong”, ela revelou que os comentários maliciosos dos internautas levaram-na a uma tentativa de suicídio. Felizmente, sua vida mudou. Após finalmente encontrar Jaejoong como adulto, ela completou o curso de administração em Pequim e se tornou professora de gestão empresarial na China.

Fonte: Koreaboo.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: