08/08/2022
Sem categoria

AGÊNCIA DE PARK HYE SOO DIVULGA MAIS UMA DECLARAÇÃO SOBRE ALEGAÇÕES DE VIOLÊNCIA ESCOLAR APÓS ACUSADOR DAR ENTREVISTA

A agência de Park Hye Soo respondeu a novas acusações sobre a atriz ser uma suposta ter cometido violência escolar.

Recentemente, postagens anônimas foram feitas online acusando Park Hye Soo de ter cometido violência escolar. A agência da atriz, Studio Santa Claus Entertainment, divulgou um comunicado negando as acusações e prometendo tomar medidas legais. Enquanto isso, seu próximo drama “Dear.M” anunciou que vai atrasar sua estreia.

Em 23 de fevereiro, uma das supostas vítimas (doravante denominada “K”) participou de uma entrevista ao meio de comunicação Sports World. “K” se apresentou como representante de uma sala de bate-papo composta por pessoas que afirmam ser vítimas de Park Hye Soo.

Sobre sua decisão de postar comentários na rede social de Park Hye Soo, “K” comentou: “Já havia muitos relatos de intimidação escolar de Park Hye Soo na Internet. Deixei um comentário sobre o dano que sofri e pensei que seria enterrado sob o de todos os outros. No entanto, meu comentário foi publicado na mídia e fiquei chocada, pois é a primeira vez que algo assim me acontece. No entanto, já que aconteceu, pensei que reunir as vítimas e divulgar o assunto seria a coisa certa a fazer. ”

“K” então compartilhou seu próprio relato sobre o bullying. Ela disseram: “A primeira vez que fui atingida foi quando eu tinha 16 anos e Park Hye Soo tinha 17. Ela me incriminou e me deu uma má reputação. Então me chamou para o karaokê onde havia cerca de 10 outros meninos e meninas e me bateu. Ela disse a cada um deles para me bater uma vez. Três deles, incluindo Park Hye Soo, me deram um tapa na bochecha. Da segunda vez, ela me chamou a um complexo de compras e bateu na minha bochecha várias vezes. Na terceira, ela me chamou a um parquinho dentro de um complexo de apartamentos e me bateu na frente de mais de 20 pessoas. Estava chovendo muito naquele dia, mas ela não parava de me bater.

“K” continuou, “Park falou que sua mão doía e disse a seu amigo para me bater. Nesse ponto, meus lábios estavam abertos, meu nariz estava sangrando e havia hematomas nas orelhas. Minhas roupas estavam cobertas de sangue. Não senti tanto pela dor física, mas sim porque meu orgulho estava ferido. Depois disso, ela me enviou uma mensagem dizendo: ‘Não venha para o bairro de Daechi’. Enquanto eu estava voltando para casa com dificuldade, ela correu até mim, me abraçou e disse: ‘Você sabe que não estou fazendo isso porque eu te odeio, certo?” Eu fiquei arrepiada. Meus amigos temiam que eu fizesse algo por causa de tudo isso. Naquela época eu realmente queria”.

“K” passou a retransmitir o conteúdo das mensagens enviadas pelos outros membros da sala de chat, dizendo: “Ela cometeu violência, linguagem abusiva, intimidação e extorsão contra os outros alunos. E também fumava. Ela os enviava especialmente para pegar dinheiro”.

“K” também comentou sobre o comunicado anterior divulgado pela agência de Park Hye Soo, em que afirmava que as acusações eram falsas e que tomariam medidas legais. “Quando meus colegas de classe, veteranos e juniores viram aquele artigo, ficaram perplexos e se ofereceram para prestar seu próprio testemunho”, disseram eles. “Também há pessoas que disseram que enviariam fotos ou seus celulares antigos, e pessoas que estão postando relatos de bullying na escola em suas contas com seus nomes verdadeiros. Aqueles que sofreram violência na escola sabem que isso é algo que definitivamente não deveria acontecer. Eu sou forte porque tenho pessoas que me apoiam. Eu não acho que vou ficar exausta”.

“K” acrescentou: “Park Hye Soo ou enganou sua agência ou não disse a eles toda a verdade. Todo mundo disse que é muito injusto e que ela é louca. Embora o que é coletado nesta sala de chat seja de cerca de 10 pessoas, há ainda mais contato vindo de outros colegas. As memórias de todas essas pessoas são fabricadas? É frustrante. No comunicado oficial da agência, há frases como: “Isso mancha o personagem e os direitos de nosso ator” ou “Isso prejudica o valor da mudança social para prevenir e erradicar a violência na escola”. O que havia no nosso personagem? Assim como eles disseram, a verdade deve ser revelada em prol da erradicação da violência escolar. ”

Quando questionados sobre o que eles queriam dizer a Park Hye Soo, “K” respondeu: “Como ela estudou bem e teve uma boa formação familiar, evitou polêmica durante seus anos de escola. Desta vez, ela está tentando evitar se escondendo atrás de uma grande agência. O que queremos é seu reconhecimento e um sincero pedido de desculpas. A violência escolar permanece como uma cicatriz para toda a vida, tanto para as vítimas quanto para suas famílias. Se fosse possível, eu preferiria que Park Hye Soo não aparecesse mais nas transmissões. É atormentador. Todas as vítimas pensam a mesma coisa. A maioria das vítimas não pôde receber um pedido de desculpas. Espero que ela reconheça seu passado e reflita sobre ele. ”

Em 24 de fevereiro, a agência de Park Hye Soo publicou um comunicado respondendo às acusações adicionais feitas e fornecendo uma atualização sobre seu plano de tomar medidas legais contra calúnias maliciosas. A declaração é a seguinte:

“Olá, aqui é o Studio Santa Claus Entertainment.

Alguém que se descreveu como membro do grupo de vítimas entrou em contato com nossa agência, bem como com os pais da atriz, com comentários vagos, como: “O que você vai fazer a respeito?” Como a pessoa ligou sem revelar sua identidade, suspeitamos que ela esteja planejando obter ganhos econômicos por meio de um acordo ou usando métodos maliciosos para reunir evidências.

No momento, estamos coletando evidências substanciais para provar que as informações e acusações sobre a questão da violência escolar são falsas. No processo, também estamos descobrindo circunstâncias em que possivelmente suspeitamos que as pessoas que afirmam ser as vítimas estão fazendo isso para obter ganhos econômicos como um ato malicioso de colaboração.

Como tal, instamos as pessoas que afirmam ser vítimas a buscarem vias oficiais, como ações legais, a fim de proteger seus direitos, e planejamos fazer o nosso melhor para responder a essas acusações.

Acreditamos firmemente que as revelações a respeito desse assunto são falsas e planejamos obter evidências que provem sua falsidade e submetê-las às autoridades investigativas. Estaremos adotando uma política de tolerância zero em relação a esse assunto e teremos uma resposta ainda mais ampla e forte, apresentando mais queixas criminais contra especulações impensadas e calúnias.

Obrigada”.

Fonte: Soompi.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores originais e não refletem necessariamente a opinião das Coreanas de Taubaté.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: