27/05/2022
Sem categoria

Resenha: Lie After Lie

Nome: Lie After Lie/거짓말의 거짓말
Diretor: Kim Jung Kwon
Roteirista: Kim Ji Eun
Gênero: Romance, suspense, melodrama
Rede: Channel A
Lançamento: 04 de setembro a 24 de outubro de 2020
Idioma: Coreano
País: Coreia do Sul
Onde Assistir: Viki

Sinopse: Ji Eun Su é uma mulher que parece ter tudo. Casada com um homem de uma família super rica, ela presume que o resto de sua vida será maravilhosa. Mas quando seu marido é assassinado, ela é enviada para a prisão com um tribunal que a considera culpada pelo assassinato. No entanto, esta não será uma sentença de prisão simples: ela está grávida e dá à luz uma menina enquanto ainda está atrás das grades. A criança é tirada dela e levada para a adoção, seu pai adotivo é Kang Ji Min, um jornalista de bom coração e amante da justiça. Quando Ji Min se encontra sozinho e cuidando exclusivamente da criança, Eun Su, agora livre da prisão trama um plano que ela acredita que a reunirá com sua filha. Ela encontrará uma maneira de conquistar o coração de Kang Ji Min e se tornar a madrasta de sua própria filha. Mas a verdade tem um jeito de aparecer e se isso acontecer, como sua nova família reagirá?

ESSE TEXTO CONTÉM SPOILERS

OPINIÃO

Lie After Lie ou também conhecido como Lies of Lies,  É um drama e romance e suspense escrito pela roteirista Kim Ji Eun. A trama foi dirigida pelo diretor Kim Jeong Kwon. O drama foi transmitido pela emissora  Channel  A. Lie After Lie, quebrou todos os recordes da emissora, e também quebrou seu próprio recorde várias vezes, a Chennel A é uma emissora pequena na coreia que foi fundada em 2011, e seu maior sucesso havia sido Love Affairs in the Afternoon que alcançou  2,1% de audiência na exibição do décimo segundo episódio. Lie After Lie quebrou esse recorde na exibição do seu segundo episódio que alcançou 2,6% de audiência e a cada semana foi quebrando seu próprio recorde e chegou a  alcançar a marca de 8% de audiência nacional na exibição do último episódio, uma marco histórico para a emissora.

1 – PERSONAGENS

Falando um pouco sobre os personagens, vou começar pela Eun Sun interpretada pela atriz Lee Yoo Ri, eu vi muitos comentários de pessoas revoltadas porque falaram que ela não saiu da cadeia com sangue nos olhos e querendo descobrir quem matou o marido e a acusou injustamente, mas o drama não era sobre isso, a trama era sobre ela recuperar a filha, a própria sinopse já diz que ela vai armar um plano para recuperar a criança. O enredo não foi focado ativamente sobre a descoberta do assassino, foi mostrando aos poucos, no final de cada episódio, íamos tendo um pedaço do que aconteceu na noite do assassinato, tipo um quebra cabeça, para o telespectador ir montando e fazendo suas teorias, enquanto a trama principal focava nas tretas do presente e no plano da Eun Su, ao me ver somente os 4 últimos episódios foram realmente sobre o vingança, o restante foi sobre treta mesmo, tanto que quando Eun su descobriu que a filha estava viva, nem ligou para a sogra e deixou ela lá no canto dela, a mulher que veio atrás para fazer da vida das duas um inferno.

Outro ponto também, foi o pessoal reclamando dela se aproximar do Jimin por causa da filha, “ah, não acredito que ela vai enganar o Jimin, é errado, não deve fazer isso”, volto novamente a sinopse do drama e o que ele se propõe, ‘uma mãe que está disposta a fazer o que for preciso para se aproximar da filha, não importando se é ético ou não’, ela sabia que o que estava fazendo era errado e até se sentia mal por isso, mas a vontade de ficar perto da filha era muito maior. E esse pano eu vou passar sim, porque não sou obrigada. Ela poderia ter contado desde o começo quem era e o que tinha acontecido, mas aí nem existiria mais drama, e o roteiro ia fugir do que se propôs, novamente, a luta de uma mãe para recuperar a filha.

Outra personagem sobre quem quero falar, é a Eun Se Mi interpretada pela atriz Lim Ju Eun, pensei que nem seria preciso falar isso sobre ela, mas quando vi uma postagem sobre a personagem, me perguntei se havíamos assistido o mesmo drama. Desde quando nos foi apresentada a história dela, vimos que ela deixou a filha doente sozinha em casa e foi encontrar o amante, foi para terminar? Foi, mas a criança estava doente e chamando pela mãe, nisso, ela também deixou uma panela no fogo que queimou, quase tocou fogo na casa e matou a criança, devido esse incidente e a traição, óbvio que os pais se separaram, e ela queria levar a criança, mas que pai iria deixar depois do que aconteceu? Eu não sei vocês, mas eu não iria.

Ela passou três anos longe, e quando voltou, decidiu que queria a família de volta, e resolveu usar a criança para isso, e em todos os momentos em que se aproximava de Wu Ju, ela só estava tentando se aproximar do pai. Em um dos encontros escondidos que conseguiu com a menina, ela deixou a criança SOZINHA em um restaurante e foi embora, nisso, Woo joo foi quase que sequestrada pela avó maléfica. E cada vez que Se Mi se aproximava da menina, algo de ruim acontecia. O pai até disse que a partir daquele momento, se ela quisesse falar com a Woo Joo, que o contatasse primeiro, que ele ia levar a menina ate ela.

Diante disso, falar que houve alienação parental por parte do pai, é incabível, que a mãe adotiva foi feita vilã e mãe biológica como mártir e boazinha, é um tanto insustentável. A Se Mi não foi uma personagem que foi transformada em vilã do nada, desde os primeiros episódios, ela agiu errado, o que fazia parecer que não amava a filha por ser adotiva. Claro que não podemos deixar de lado toda a pressão psicológica que a personagem sofreu por não conseguir ter um filho e também sofrer vários abortos, mas não justifica as ações com a filha adotiva. E esse foi outro ponto positivo do roteiro, mais uma personagem que manteve o perfil do inicio ao fim, tanto que no final, ela decidiu se afastar da menina.

Lee Yoo Ri's Wedding Day Is Tainted By An Unexpected Letter In “Lie After  Lie” | Soompi

E o que falar Kim Ho Ran interpretada pela atriz Lee Il Hwa, o que fizeram com a mãe da saga Reply, minha gente? A mulher se transformou no verdadeiro demônio! Alguém traga um Oscar para essa atriz, por favor? Não consigo colocar em palavras o tanto de raiva que ela me fez, eu tremia parece um pinscher raivoso toda vez que ela aparecia na tela, atuação nota mil, e valeu cada segundo assistido.

Atuação fofíssima da Woo Jo interpretada pela atriz Go Na Hee que com apenas 11 anos tem 15 dramas e 6 filmes nas costas, o sucesso vem!

Lee Yoo Ri And Yeon Jung Hoon Experience A Change In Their Relationship In  Upcoming Episode Of “Lie After Lie” | Soompi

E eu gostei bastante do personagem Kang Jimin, um homem divorciado e que cuida sozinho da filha, se divide entre o trabalho e a paternidade, e a menina sempre é sua prioridade. Acho legal mostrar esse outro lado, que um homem pode sim criar uma criança, basta ele ter um bom caráter. Confesso que em alguns momentos não queria que ele ficasse com a Eun Su porque me deu um ranço dele, mas entendo que estava querendo proteger a filha.

2 – ROTEIRO

Falando um pouco sobre o roteiro, eu não achei nada inovador, e muitas coisas que aconteceram, foram bem previsíveis, tanto que quando aconteceu, eu pensei na hora, “ah era isso mesmo”. Mas isso não quer dizer que é um ponto negativo, a trama foi muito bem escrita, trouxe tensão nos momentos certos, e você tremia de tanta raiva e terminava os episódios com vontade de entrar na tela e matar aquela sogra ‘demônia’ ou a mãe de araque. 

A história trouxe aquilo que o ser humano ama, muita treta, tiro, porrada e bomba, e óbvio que ia ser sucesso na Coreia. Gostei de todos os elementos adicionados na trama, nada foi aleatório, e lá atrás já tinha um histórico e você não ficou se perguntando de onde foi que surgiu isso, como por exemplo, a doença da Woo Joo que apareceu lá para o final da trama, quando Eun Su estava na cadeia, a  criança foi tirada dela justamente por causa da asma que desenvolveu, e durante vários episódios, veio mostrando a menina passando mal por causa da doença, então quando veio a doença terminal, não ficamos perdidos ou sem entender de onde aquilo apareceu, achei isso extremamente inteligente por parte da roteirista.

O final não deixou pontas soltas e tudo foi respondido, até mesmo o que você não sabia que precisava ser respondido, outro ponto muito positivo, a roteirista colocou vários elementos, inimigas e suspeitas durante os episódios, e no final respondeu tudo, até coisas que já tínhamos esquecido que havia acontecido, não sei vocês, mas eu tendo a esquecer muitas coisas dos dramas que assisto em andamento.

Falando sobre o final, eu gostei muito, apesar de adorar finais tristes, mas acredito que em Lie After Lie não faria sentido nenhum o drama ter um final triste, levando em conta todo sofrimento que os personagens e o telespectador passaram. Apesar de termos sidos trolados no final, e já estava quase quebrando a tela pensando que ia ser triste, mas depois percebemos a pegadinha, e foi tudo só alegria.

Falando de um ponto positivíssimo da construção desse roteiro, foi o personagem Kim Yeon Jeon, interpretado pelo ator Kwon Hwa Woon. Como apresentado na trama, ele conhecia Eun Su desde pequeno, e ela sempre o ajudou, ele foi morar fora e voltou bem sucedido e estava tentando fazer de tudo para encontrá-la novamente, porque a amava e queria cuidar dela e retribuir tudo o que ela fez no passado, e Eun Su também era seu primeiro amor. Já pensei logo, triangulo amoroso, né? Além de tudo o que a personagem está passando, ainda vai ter que lidar com a vida amorosa? Não é possível.

Review: Lie After Lie | The Fangirl Verdict

Quando ele finamente a encontrou, descobriu que ela estava com alguém. Yeon Jeon então chamou Jimin para conversar e dar uma de machão e mostrar que estava ali para Eun su também, e que iria cuidar dela, logo pensei, “ah pronto, vai se tornar um doido obsessivo que vai infernizar a vida do Jimin e da Eun Su”, mas para minha grande surpresa, isso não aconteceu, ele a chamou para uma conversa e falou que a amava e que ia aceitar a sua decisão, e que ia estar ao seu lado para o que der e vier e que também ia ser um tio para a Woo Joo, e iria cuidar das duas. Eu fiquei muito feliz e espantada com o rumo desse personagem, eu sinceramente não esperava, visto que os roteiristas adoram fazer desse tipo de personagem um escroto e sem escrúpulos para todo mundo odiar, foi uma surpresa muito legal, e depois, vimos que ele ajudou a Eun Su várias vezes, inclusive a desmascarar a sogra e com os exames para doação de órgãos. Foi bem legal acompanhar esse personagem, e ele não fugiu da essência do amor, afinal, quando você ama alguém, quer vê-lo feliz, mesmo que não seja com você. Muito amor por esse personagem e essa roteirista.

3 – “PONTO NEGATIVO”

Acho que um ponto negativo para mim, foi o romance, eu sabia que o drama era do gênero romance, mas na minha cabeça não encaixava de jeito nenhum, acho que a história era tão densa, que eu estava mais preocupada no desenrolar de todas as tretas, que o romance não fez diferença. Eu, vivian, não consegui sentir nada de especial ao ver acontecendo, para mim foi só ok, e a felicidade da Eun Su era a minha, ela sofreu tanto e passou por tanta coisa, tentou se matar, foi enganada, acusada injustamente entre outras coisas, que no final, só queria vê-la com a filha e feliz. Mas nada que tenha atrapalhado minha percepção do drama.

Minha nota: 10/10

CONSIDERAÇÕES FINAIS

Lie After lie foi um drama muito bom, teve altas doses de desgraça e raiva, várias mortes pelo caminho, choro e ranger de dentes, romance, tragédia, fofura, 1000 em um, foi aclamado na coreia e a audiência não me deixa mentir, e claro que foi aclamado aqui também, orgulho de ter acompanhado esse hino, e ter sofrido a cada semana, se você também acompanhou, deixe nos comentários o seu #eufuieutava. Eu recomendo muitíssimo, é um drama que vale muito a pena assistir, mas tome um calmante antes porque as emoções serão fortíssimas, e se prepare porque sim, o roteiro é daqueles onde tudo dá errado no decorrer, então já vá ciente disso, mas nada é aleatório ou acontece do nada para você ficar perdido ou se perguntando de onde a roteirista inventou essa história.

E é isso, pessoal. Quem assistiu Lie After Lie o que achou? Façam seus comentários e vamos conversar.


Disclaimer: As opiniões expressas em matérias traduzidas ou em colunas específicas pertencem aos autores originais e não refletem necessariamente a opinião das Coreanas de Taubaté.

Vivian Kelen
Vivian Kelen

Assisto dramas desde 2018 e “para todos os garotos que já amei” me trouxe até esse mundo. Minha missão nessa terra é espalhar a palavra da dramalandia. Meus dramas favoritos são Black Dog e Stove League. E não se esqueçam, amem Stray Kids.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: